Passar para o Conteúdo Principal Top
Ponta Delgada
Câmara Municipal de Ponta Delgada
Câmara Municipal de Ponta Delgada Porta de Futuro
  • facebook
  • youtube
  • instagram
  • twitter
Hoje
Máx C
Mín C

Assembleia Municipal aprova abertura de concurso público para aquisição de serviços de limpeza de sanitários públicos

Assembleia Municipal aprova abertura de concurso público para aquisição de serviços de limpeza de sanitários públicos
01 Outubro 2019

A Assembleia Municipal de Ponta Delgada aprovou, esta segunda-feira, por maioria e com a abstenção do PS e do BE, a abertura do concurso público com vista a aquisição de serviços de limpeza e higienização de instalações sanitárias (assunção prévia de compromissos plurianuais).
No plenário de setembro, foi aprovada, por unanimidade, a alteração do mapa de pessoal 2019 e por maioria (abstenção do PS, BE e Movimento Santa Clara) a delimitação das áreas de reabilitação urbana.
A Assembleia aprovou por unanimidade a aquisição de duas parcelas de terreno, na freguesia da Candelária, para afetação ao domínio público, o que tem a ver com a obra de requalificação do Ramal da Igreja.
A mesma Assembleia designou, sob proposta do PS, Raquel Vargas para substituir Ana Teresa Bettencourt na Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Ponta Delgada.
A Assembleia Municipal de Ponta Delgada elegeu, por maioria, Victor Almeida, Presidente da Junta de Freguesia dos Fenais da Luz, como substituo no XXIV Congresso da Associação Nacional dos Municípios Portugueses
No período antes da ordem do dia, a Assembleia Municipal de Ponta Delgada aprovou por unanimidade um voto de pesar pela morte de André Bradford. O voto foi apresentado pelo grupo municipal do PS e após a sua votação, a Assembleia fez um minuto de silêncio.
Também por unanimidade foi aprovado um voto de pesar pelo falecimento de Gustavo Moura.
Uma recomendação apresentada pelo Bloco de Esquerda, com vista à inclusão no orçamento de 2020 no plano global de mobilidade urbana, contou com os votos favoráveis do BE, Movimento Santa Clara Vida Nova e PS, e com a abstenção do PSD.